Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

soutodaamor

soutodaamor

Folha 3/366 Regressos que custam

Depois de 4 dias soberbos, regressamos ontem.

Viemos de Bruxelas para a terrinha.

De regresso á rotina, ao dia-a-dia igual a tantos outros dias-a-dias passados por Vocês, Pessoas Lindas!

Custou-nos deixar o Tesourinho, como já quase nos habituamos.

É que desta vez não há previsões de regresso... não posso colocar num calendário os dias que faltam para o abraçar de novo.

Só peço ás forças divinas que não o desamparem! (Sim! Tenho a minha fé em certas e determinadas forças...)

De resto é com ele... tem de se fazer "á vidinha" como milhares de emigrantes! É duro, mas a realidade é esta e não há volta a dar!

Podemos minimizar a dureza crendo que vai correr tudo bem e que "daqui a nada" estaremos juntos novamente. Cá ou lá.

De uma coisa tenho a certeza: estamos no coração dele tanto como ele está no nosso!

E isto, Pessoas, é reconfortante! Acreditem que é!

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.